gestão de colecções . colecção

O Museu do Papel possui uma colecção denominada Arqueologia Industrial do Papel, que integra máquinas, artefactos e documentos, a qual se divide em seis categorias. Entre as diferentes categorias as mais significativas para o museu são as categorias de Equipamentos e Utensílios e de Espólio Documental.


Peças de produção manual de papel Moinho de galgas
Peças de produção manual de papel Moinho de galgas
Trituração do papel

Da categoria equipamentos e utensílios faz parte um acervo que engloba a produção manufactureira e o fabrico industrial do papel, constituído por centenas de objectos museológicos, que datam do século XIX e XX, provenientes de diferentes fábricas de papel da região de Santa Maria da Feira, de Tomar, de Viseu e do Porto, incorporados, maioritariamente, por doações de antigos papeleiros ou técnicos e fabricantes de papel.


Mesa de corte Prensa
Mesa de corte
Corte do papel húmido
Prensa

Da categoria espólio documental, salienta-se o acervo de documentos manuscritos oriundos de antigas fábricas de papel, bem como diferentes qualidades de papel e papéis com marca de água, dos séculos XVIII, XIX e XX.

Marca de Água de papel almaço
Marca de Água de papel almaço. 2.ª qualidade
Real Fábrica da Lapa. Feira.
Marca de Água de papel almaço.
Fábrica de Papel de Porto de Cavaleiros em Tomar

 Documento manuscrito de Lourença Pinto.
Documento manuscrito de Lourença Pinto.
Fundadora do engenho em 1822
 

 




Forminhas




procurar no site
mudar papel
papel 1 papel 2 papel 3 papel 3
aumentar letra
Diminuir letra Aumentar letra
destaque
XII Congresso Internacional Historia Del Papel

agenda do museu